CRAC 2 x 1 Águia de Marabá

Ainda sem treinador e no Z-4, Águia libera elenco para folga de 12 dias

João Galvão continua no Águia apenas como diretor de futebol (Foto: Marcelo Seabra/O Liberal)

O Águia de Marabá liberou o elenco para folga de 12 dias, após a derrota por 2 a 1 para o Crac, em partida que aconteceu no último sábado, pela Série C do Brasileiro. Os jogadores retornam aos trabalhos no dia 13, um dia após a abertura da Copa do Mundo. Com o resultado negativo e a vitória do CRB por 3 a 0 diante do Treze, o Azulão caiu para a última colocação entre os 10 times da competição nacional, com apenas quatro pontos conquistados.

De acordo com Sebastião Ferreira, presidente do Águia, o clube corre atrás de um novo treinador. No último jogo, o comando interino do time ficou com João Galvão, diretor de futebol aguiano. Além de um técnico, o clube interiorano busca um zagueiro, um lateral-esquerdo e um volante para reforçar o grupo de atletas visando a sequência da Terceirona.

Sobre a participação do Águia nas seis primeiras rodadas da Série C, Sebastião Ferreira acredita em uma tabela pouco favorável ao Azulão, além de um início tardio dos treinamentos e projeta um crescimento da equipe no período de treinos em razão do Mundial.

– A gente iniciou o trabalho muito em cima da hora e sabia que poderíamos fazer uma má campanha. Apesar da qualidade dos jogadores, não temos o mínimo de entrosamento. Ainda tivemos quatro jogos fora de casa e só dois em Marabá, enquanto que os outros fizeram o contrário, como o Paysandu, por isso a nossa posição não é vexatória. Em seguida vamos ter dois jogos em casa. A tendência é que, com esse período para treinamentos e os amistosos que devemos fazer, a gente saia rapidamente dessa situação.

(Por Gustavo Pêna/Belém/Globoesporte.com)