A LUTA CONTINUA

O Águia coNseguiu um grande resultado no REI PELÉ
O Águia coNseguiu um grande resultado no REI PELÉ

O resultado do último jogo do Águia de Marabá, um empate em 1 a 1 com o CRB, teve um gosto de vitória para os aguianos. Com o ponto ganho, o Azulão saiu da zona de rebaixamento, deixando o Treze, que ainda enfrenta o Fortaleza nesta segunda-feira, na penúltima colocação do Grupo A. O técnico João Galvão fez uma avaliação positiva do resultado conquistado em Alagoas.

– Fomos para buscar um resultado positivo, uma vitória. Mas o empate está de bom tamanho nas circunstâncias que foram. Tomamos um gol aos 45 do primeiro tempo. Tivemos força pra empatar e segurar a partida, então ficamos felizes, agradeço a Deus por ter nos abençoado mais uma vez e aos jogadores que são guerreiros e estão unidos, solidários para tirar o Águia dessa situação, representando o Pará e continuando na Série C – disse Galvão. Para permanecer fora do Z2, o time marabaense precisa torcer para que o Fortaleza saia de campo com uma vitória.

O Águia vai enfrentar o Cuiabá, no próximo sábado, às 18h30, na Arena Pantanal, no Mato Grosso. João Galvão define o confronto diante dos mato-grossenses, que venceram o Paysandu no último sábado, pela penúltima rodada da fase de classificação, como uma “guerra” na luta contra o rebaixamento à Série D do ano que vem.

– Agora é se preparar para a guerra do Mato Grosso, a guerra na Arena Pantanal. E a gente vai fazer de tudo pra ser uma grande partida, respeitando o Cuiabá, para buscar um resultado positivo lá dentro. Agora é denominado “A guerra do Mato Grosso” – finalizou.