ATACANTE PEDE PARA DAR UM TEMPO

Danúbio pediu para dar um tempo (Foto: PH)
Danúbio pediu para dar um tempo (Foto: PH)

No início desta semana o atacante Danúbio resolveu parar de jogar no Águia. A diretoria foi tomada de surpresa, quando foi procurada pelo atleta e comunicou que iria parar de jogar. O presidente Sebastião Ferreira Neto e o próprio João Galvão conversaram com o garoto, mas não conseguiram convence-lo. “Ficamos surpresos com a conversa do Danúbio, tentamos saber se ele estava insatisfeito com alguma coisa ou se alguém o tinha tratado mal, mas ele não falou, só disse que não queria ficar aqui e que vai trabalhar com seu pai em Parauapebas, foi irredutível”. Falou Ferreirinha.

O jogador se encontra em Parauapebas com sua família. “Eu resolvi dar um tempo, mas vou voltar, eu precisava mesmo dar um tempo, nunca ninguém me tratou mal lá, mas eu quero ficar um pouco aqui, não assinei nada de rescisão, o pessoal lá é tudo gente boa e me compreendeu bem”. Disse Danúbio.

O jogador de vinte e dois anos vinha sendo uma das opções do técnico João Galvão no ataque, habilidoso e muito veloz, o atleta era a esperança que o torcedor tinha para a sequência do campeonato brasileiro da série C e campeonato paraense da segunda divisão.